sábado, julho 23, 2011

O verdadeiro amor.



" O verdadeiro amor, o incondicional, alimenta-se de beijos e sorrisos, de projetos e promessas, de promessas e ideias. O verdadeiro amor está lá, todos os dias a todas as horas, atento e vigilante, sempre próximo e diferente, sempre preparado para abrir os braços e proteger, fechar os olhos e sonhar. O verdadeiro amor é omnipresente e omnipotente, mas nunca se cansa nem se ausenta, nunca se paga nem nunca se subtrai. Só suspira às vezes, para ganhar forças e seguir caminho. É este o amor raro, secreto, mágico e perfeito que nos faz sermos felizes, sempre, apesar de tudo acima de tudo. E o resto são pequenos nadas que pertencem ao mundo dos comuns mortais. "

Margarida. R. Pinto - in «as crónicas de Margarida»

Estou a tentar adaptar-me ao novo acordo ortográfico. Feliz Sábado minha gente.

Com muito amor, Danizitha ♥

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores

Subscreve-me por mail