quarta-feira, agosto 24, 2011

Últimas

Fiquei de vos trazer novidades ontem à tarde, mas tive uma enxaqueca que tive de me manter na cama. E as novidades que vos trago é sobre Domingo e etc. Bom, no Domingo não gostei e ao mesmo tempo gostei. Primeira paragem foi  em Penafiel que supostamente era para visitar o Sameiro, mas nada disso, uma hora lá parados só para tomar o pequeno almoço e ver cebolas. Sim, cebolas ! É que (eu não sei o nome do sítio mas penso que tenha sido no centro) havia uma avenida enorme, que no meio dela, de uma ponta à outra, havia vendedores de cebolas. Tanta mas tanta cebola !
Seguimos para Baião. Pelo caminho o motorista do autocarro colocou um dvd de largadas que provocou imensas gargalhadas. Odeio touradas pelo que fazem aos animas, mas acho graça às largadas, talvez por ser a oportunidade que têm de se vingar. Gosto muito de campo, mas sinceramente Baião não tem nada! Casas aqui e ali, todas com uma horta e gado. Estradas abandonadas. Campos de colheita enormes. E raramente uma loja ou um café. Paramos no centro, onde havia uma festa popular mas por ser de manhã ainda estava tudo fechado. Uma feira. Estivemos por ali hora e meia. E agora perguntam vocês, a fazer o quê? Os homens foram até à feira. Um casal foi visitar familiares que ali tinham. Nós fomos até ao café comprar um saco de rebuçados de café. Aqueles são diferentes dos que costumo encontrar por aqui. Não eram tão pequenos e tinham recheio. De resto ali ficamos a conversar umas com as outras. Eram 11:30h ao lado do autocarro juntaram-se algumas pessoas onde fizeram desgarrada até ao 12h. Foi uma maneira de passarmos o tempo entre boas gargalhadas.
Às 12h fomos para Santa Maria do Zêzere, para o restaurante o Casarão. Odiei os caminhos, a subir e descer um monte, estradas estreitas e sem bermas nas pontas. Rebanho no meio da estrada. Mas lá chegamos. Primeiro de tudo dou de caras com um wc minúsculo. Tinha duas piscinas que nem sequer nos deixaram aproximar. A parte das entradas (que tinha imensas, variadas até) era no andar de cima ou seja, eu e o meu irmão ficamos em baixo e trouxeram um naco de entradas para cada um que vão ver numa foto. E as entradas não eram muito boas, a broa era seca. A bola de carne era seca. O presunto salgado e as chamuças... não eram chamuças ! Não eram crocantes, tinham só carne e picante nem ve-lo. 
Depois em antes de cada prato vinham três empregados, um com uma concertina, um com tambor e outro com ferrinhos e tocavam um pouco. A sopa era boa e o bacalhau à Zé do Pipo também. O cabrito nem por isso. As sobremesas eram pudim e tarte de nata. Toda a tarde houve música ao vivo. E eu tive azar com o meu vestido, a empregada a servir o cabrito sujou-me e depois viraram-me um copo de vinho em cima.
Tivemos um lanche igual às entradas e viemos embora, como estava muita chuva e trovoada paramos apenas meia hora em Amarante e viemos para casa.

Fiquem com as fotos ;)




















3 comentários:

  1. Olá :) mudei de blog o meu blog antigo este " http://rapariga-fashion.blogspot.com/ "
    Agora mudei para a sapo " http://rapariga-fashion.blogs.sapo.pt/ "
    Espero que gostes e dês a tua opinião :) beijinhos querida *

    ResponderEliminar
  2. Adorei as unhas e o passeio parece-me ter sido bem interessante.

    ResponderEliminar
  3. Adorei o roxo das tuas unhas!
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Seguidores

Subscreve-me por mail