terça-feira, maio 22, 2012

Sonhos #1


Desde a morte da minha Madrinha que não consigo dormir. Ou seja, estou sem dormir à duas noites. Cafézinho e corretor de olheiras são os meus aliados nestes dias.
Não consigo crer que ela morreu. Apesar dos pesares não me esqueço das coisas boas. O olhar dela permanece na minha mente. E com tudo isto, só me lembro de quando, nos fiéis, eu andava com a lata do peditório contra o cancro e ela que depositava sempre 10€, por ironia talvez, faleceu de cancro.



Hoje aquele dente que me anda a incomodar, vai deixar de o fazer. Tenho dentista às 16:30h para o tirar...
Ah!...mudei o visual do blog, agora os seguidores e etc estão ao lado escondidos, mas se passarem com o rato abre a aba.

Baci*


1 comentário:

  1. olá. o que eu costumo dizer sempre ás pessoas, é que adormeçam para sempre a dor de ter perdido alguém, mas que não esqueçam essa pessoa, nunca. eu penso naqueles que morreram muitas vezes, mas não sofro quando penso neles. O sofrimento de hoje, não é sofrimento das primeiras semanas em que eles morreram. as melhoras para ti e um abraço. beijos

    ResponderEliminar

Seguidores

Subscreve-me por mail